Nossa excelência em gestão é o alicerce de todos os nossos diferenciais e é graças a ela que oferecemos uma resposta revolucionária à principal pergunta do mercado:

Quanto esta obra vai ajudar ou atrapalhar o negócio?

Sermos a única RCP do PMI no Brasil nas áreas de engenharia e incorporação durante todo o ciclo de vida do programa de Registered Consultant atesta o nível de eficiência gerencial que conseguimos comprovar. Entre construtoras, estivemos na vanguarda da aplicação de técnicas ágeis de gestão no escritório e no canteiro de obras, com Scrum e Kanban, e mais de um player nos fez a honra de declarar que após ver nossos vídeos passou a praticar gestão à vista também. Como construtora e incorporadora, somos das raras a ter as certificações ABNT NBR ISO 14001, ISO 45001 e ABNT NBR ISO 37001, esta última em processo, de meio ambiente, segurança...

e saúde ocupacional e gestão antissuborno e compliance, respectivamente.

Adaptamos para o nosso setor e o nosso país técnicas internacionais que, quando começamos, não existiam como conteúdo pronto e disponível para o segmento imobiliário brasileiro. Ao mesmo tempo em que estudamos os métodos consolidados no exterior, trabalhamos muito para desenvolver o conhecimento interno: além dos livros que publicamos como contribuição ao aprimoramento do setor, a Iben criou ferramentas próprias, deu início ao uso de indicadores para melhorar o desempenho e foi pioneira na aplicação das melhores práticas do PMI nos processos de planejamento e controle como forma de monitorar as obras. O primeiro centavo que destinamos a um software de gerenciamento foi em 05/3/2012, e nunca mais paramos de investir em tecnologia para a gestão de obras.

ISO 9001
ISO 14001
OHSAS 18001

Todos desejam assegurar certo resultado,
nós buscamos assegurar o resultado certo.

Acreditamos na disciplina e no rigor. Em tecnologia, há um ditado que diz:

“Apaixone-se pelo problema, não pela ideia”.

O processo de inovação é árduo e exige uma cultura empresarial focada no processo de aprendizagem. Moldamos a Iben sob as premissas de aquisição de conhecimento. Testamos vários produtos, alguns com menos fit de processo e outros suficientemente relevantes para que outras incorporadoras os desejassem. Quando o produto se prova à altura das nossas expectativas, recebe mais tempo e...

investimentos. É o caso do Igile, projeto que teve um spin-off para uma start-up, mas nasceu dentro da Iben e se consolidou como uma plataforma muito robusta de gerenciamento de obras.

O Igile se compõe de sete módulos (prazo, custo, qualidade, produtividade, gestão de compras, segurança no trabalho e risco) e usa inteligência artificial para a gestão do conhecimento, com registro de lições aprendidas para mitigação de riscos recorrentes. Em breve, com o lançamento dos módulos de gestão financeira e de gestão de vendas, ele subirá ao nível estratégico da gestão de incorporação.

Com todas as técnicas e ferramentas que desenvolvemos e toda a importância que damos à tecnologia, somos uma empresa de baixíssimo risco.

Focamos em inovação gerencial por sermos totalmente avessos a riscos gerenciais.

Praticamos o que pregamos e, sendo ou não sócios do empreendimento, gerenciamos cada obra como gerimos a nossa empresa, com boa governança, respeito à sociedade e ao ambiente e atenção paranoica aos detalhes, o que inclui visitas semanais do Diretor de Engenharia às obras. Em contrapartida aos muitos bônus desse controle, poderia surgir como ônus uma limitação ao crescimento, mas a busca permanente pela excelência em gestão afastou essa ameaça. Segundo The Standish Group, empresas com excelência em gestão de projetos possuem 3 vezes mais controle sobre os fatores que afetam o resultado do negócio.
Adaptamos para o nosso setor e o nosso país técnicas internacionais que, quando...

começamos, não existiam como conteúdo pronto e disponível para o segmento imobiliário brasileiro. Ao mesmo tempo em que estudamos os métodos consolidados no exterior, trabalhamos muito para desenvolver o conhecimento interno: além dos livros que publicamos como contribuição ao aprimoramento do setor, a Iben criou ferramentas próprias, deu início ao uso de indicadores para melhorar o desempenho e foi pioneira na aplicação das melhores práticas do PMI nos processos de planejamento e controle como forma de monitorar as obras. O primeiro centavo que destinamos a um software de gerenciamento foi em 05/3/2012, e nunca mais paramos de investir em tecnologia para a gestão de obras.

A Iben transformou o que era conhecimento retroativo em resposta confiável e disponível.

Um resultado visível da nossa conduta é o processo, a entrega mais rápida de obras com elevado padrão de qualidade, menor custo e baixa assistência técnica. Outro resultado se vê nos produtos, que são desenvolvidos com profundo engajamento dos stakeholders e, por isso, incorporam atributos ajustados às demandas do consumidor.

Ao alinhar continuamente processos, produtos e objetivos das partes interessadas, nossa excelência em gestão permite transformar cada obra em um produto financeiro: basta olhar para o gráfico para entender, com a clareza de um relógio, como estão o prazo, o custo, a qualidade e as tendências.

Assim, voltando ao início, chegamos à resposta revolucionária.

Tradicionalmente, a pergunta “Quanto esta obra vai ajudar ou atrapalhar o negócio?” só podia ser respondida no passado: “Aquela obra contribuiu bastante”, nos melhores casos, ou “Aquela obra me prejudicou muito”, quando já era tarde demais para agir. Mas os nossos sócios e clientes têm essa informação em tempo real. A Iben transformou o que era conhecimento retroativo em resposta confiável e disponível.

Era você que estava buscando segurança e proatividade?

TOP